Paulina Rubio celebra a vida em novo cd

Depois da morte de seu pai, Paulina Rubio entendeu o ciclo da vida e hoje mais do que nunca a celebra Brava!, ao lado de seu marido e de seu filho Andrea Nicolás, que completará seu primeiro ano no mesmo dia em que sairá a venda o novo disco da cantora e atriz mexicana.

“Este álbum é uma celebração a vida, se nota em seus ritmos ecléticos (dance, pop, rock, ranchero e balada) e em suas letras. A composição tem muito a ver com o que eu passei nos últimos meses, e a filosofía de vida que levo agora é aproveitar cada momento porque estamos de passagem e tudo é um segundo”, comentou a “Chica Dorada”.

O título Brava! engloba a essencia da produção musical e rende uma homenagem a mulher: a sua avó, a sua mâe Susana Dosamantes e, sobretudo, a aquélas que trabalhmn e sabem organizar sua agenda dando prioridade a familia.

“Também significa oferecer um bom espetáculo no palco e ser valente. Existem coisas que me deixam brava como a injustiça, a insegurança, a mentira e o rancor, mais que nada, porque ao ser mãe quero deixar ao meu filho uma educação em que seja leal e dê aos demais”, disse a artista.

Brava!, produzido por ela e Red One, conserva o selo particular que tem caracterizado Paulina Rubio, através dos anos, mas sempre buscando se reinventar; quer dizer, oferecer algo diferente a seu público.

Ela se  sobressai também pela co-autoría das faixas, pois Pao, como seus fâs a chamam, escreveu junto com Espinoza Paz (Me voy), Nacho, de Chino & Nacho, (Me gustas tanto) e Larry Hernández (Hoy me toca a mí). Precisamente, neste último faz dueto com Taboo, integrante do Black Eyed Peas.

“Os homens dizem que falamos muito, e as mulheres dizemos que eles não nos escutam, por isso esta música é perfeita para isso e me agrada ter cantado com Taboo, que é mexicano, o conheci em uma festa que fiz despois do Grammy.

“Acredito que esta canção será um hino entre os jovens. Ele é super engraçado, não está um segundo em paz, se move muito. Gravamos a canção de maneira virtual porque ele estava em Los Ángeles e eu em Miami; aliás, foi como a cereja do bolo. Desejo convidá-lo para estrearmos a canção aqui, no México”, apontou.

Cásate con tu mamá, explicou, é uma peça de picardía e humor negro, pois  “tem a ver com o rei Edipo -é brincadeira-, mas eu sou assim. Muitas mulheres vão gostar da letra, sobretudo porque é sátira e não sarcasmo”.

Fonte: RitmosonLatino.com

Comentários