Juanes e Reik em acústico

Juanes e Reik puderam fazer uma retrospectiva viagem sonora com o melhor de seu repertório em um ambiente íntimo com versões acústicas.

O músico colombiano Juanes e o grupo mexicano Reik inauguraram a sessão acústica do Grammy Latino, uma série de shows que celebram a música latina, estreando no México, com vistas a ir ao Brasil.

Durante algumas horas, Juanes e Reik puderam fazer uma retrospectiva viagem sonora com o melhor de seu repertório, em um ambiente íntimo e com versões acústicas. A festa se realizou na quarta-feira à noite em um clube do luxuoso bairro de Polanco, na capital mexicana, ao que assistiram integrantes da acadêmia Latina de Gravação e alguns famosos como os músicos Benny Ibarra, Erik Rubín, Shaila Dúrcal, Fey, Paty Cantú e Leonel García, assim como a atriz Bárbara Mori.

Estes shows exclusivos são animados por artistas de primeiro nível e, junto com os “Latin Grammy Streer Parties”, são a antessala da XIII Entrega Anual do Grammy Latino, que se realizará no dia 15 de novembro, em Las Vegas.

Além do México, a sessão acústica do Grammy Latino chegará este ano nas cidades de Nova York, Chicago, Dallas, Los Angeles, Miami e Rio de Janeiro.

“No ano passado fizemos uma primeira tentativa com uma festa na Cidade do México, que assistiram alguns nomeados do Grammy Latino, mas neste ano somamos esforços com alguns patrocinadores e pudemos trazer a Sessão Acústica, projeto que se realizava apenas nas cidades dos Estados Unidos”, disse Gabriel Abaroa Jr., presidente da Acadêmia Latina de Gravação, a “The Associated Press”.

Abaroa explicou que a Sessão Acústica do Grammy Latino nasceu em 2011 como uma oportunidade para que as estrelas da música latina, mas também novas figuras, pudessem mostrar suas propostas musicais em um ambiente íntimo com as pessoas da indústria discográfica presente.

“Quando decidimos organizar este projeto no México e no Brasil, fizemos alguns telefonemas a nossos artistas para saber quem poderia vir e, casualmente, Juanes estava em turnê aqui no México. Aí é quando a Academia recebe o apoio de seus integrantes e podemos fazer um trabalho em conjunto maravilhoso”, sinalizou Abaroa.

O presidente da Academia que outorga o Grammy Latino indicou que levar a Sessão Acústica a América Latina foi possível graças ao apoio dos patrocinadores e expressou seu desejo de que outras empresas sigam contribuindo para poder chegar a outros países em um futuro próximo.

Em sua passagem pelo tapete vermelho, os integrantes de Reik, ganhadores de um Grammy Latino em 2009, disseram que foi uma honra serem eleitos para inaugurar esta série de shows no México. “É uma noite que promete muito e na qual estarão presentes muitas pessoas queridas da indústria, gente que conhecemos há muitos anos. A ideia é divertir-se, tomara que seja assim”, expressou o vocalista Jesús Navarro.

Durante sua participação, o trio originário da cidade nortenha de Mexicali, interpretou canções como “Peligro”, “De qué sirve”, “Noviembre sin ti”, “Creo em ti”, “Yo quisiera” e “Que vida la mía”, em um formato acústico que os fez recordar seu início como banda, há quase uma década.

De sua parte, Juanes, ganhador de 17 Grammy Latinos, foi a estrela da noite, que satisfez a 400 convidados, de acordo com o número dos organizadores, com êxitos como “Fíjate bien”, “La camisa negra”, “Volverte a ver” e “Me enamora”, assim como uma versão do clássico de Bob Marley, “Could you be loved”, com a qual pôs para dançar o público, que o recebeu com diversas demonstrações de carinho durante sua atuação.

Os shows da Sessão Acústica do Grammy Latino nos Estados Unidos iniciara no dia 20 de setembro em Nova York, para depois seguir para Chicago, Dallas, Los Angeles, Miami e Rio de Janeiro. Os artistas convidados nestas apresentações não estão confirmados.

Fey e Paty Cantú passaram pelo tapete vermelho

Os ex Timbriche Benny Ibarra e Erick Rubín posaram juntos para as câmeras

Fonte: Juanes Brasil / Fotos: Clasos

Comentários