Festival América do Sul divulga lista das atrações nacionais e internacionais

O 10º Festival América do Sul anunciou as atrações nacionais e internacionais da edição deste ano. Na cidade mais carioca de Mato Grosso do Sul, o samba terá espaço grande, com Ivone Lara e Jorge Aragão. Também virão a Corumbá a banda Cidade Negra, Davi Moraes e Ana Carolina

O uruguaio Jorge Drexler, compositor e interprete de “Al otro lado del río” , a primeira música latino-americana a ganhar o Oscar, é o convidado internacional mais esperado. Há anos a organização do festival tentava fechar com o cantor, mas só agora conseguiu. Da Argentina vem o quinteto Violetango e também do Uruguai, a banda de rock latino Abuela Coca.

Na relação de atrações regionais estão Geraldo Espíndola, Sampri, o violonista Marcelo Fernandes, Jerry Espíndola, O Bando do Velho Jack e Forró Zen.

O Festival acontece entre os dias 1º e 5 de maio e também terá a dança do Conectivo Corpomancia, Cia do Mato, L’Esplose (Colômbia) e Cia. Juvenil do Moinho Cultural.

Na parte de teatro e circo, as atrações sul-mato-grossenses são Rick Thibau, Flor e Espinho e Mambembe Trupe Teatral, mas também há os espetáculos nacionais de Clarisse Abujamra, Cia. de Arte Negus, Gurpo de Mágicos Ed, Luiz Salem e Renata Celidônio e do Paraguai a Cia. de Assunción de Carmem Briano.

Com o tema “Venha navegar nos rio das artes”, este ano o maior homenageado do festival é o Rio Paraguai, símbolo da integração e da cultura pantaneira. “Tivemos uma mudança de foco na homenagem. O grande homenageado é o próprio Rio Paraguai, que trouxe desenvolvimento econômico, social, cultural e é tão ligado à religiosidade”, justifica o presidente da Fundação de Cultura do Estado, Américo Calheiros.

Mas a lista segue com pessoas que têm alguma relação com o rio. Também serão homenageados o acordeonista Wilson de Oliveira; João de Arruda Pinheiro, um pioneiro no transporte de carga, gado e pessoas em lancha pelo Rio Paraguai; a artesã Josefina Alves Ribeiro (em memória), especialista no uso de fibras naturais como o aguapé; Ivone Torres Moraes, responsável pela tradicional festa anual em homenagem a São Pedro, com procissão fluvial; e Rubén Bareiro Saguier, ensaísta, poeta e advogado que foi embaixador do Paraguai na França.

Veja a programação musical completa:

Dia 1º – Wilson de Oliveira, Geraldo Espíndola e Dona Ivone Lara

Dia 02 – Bando do Velho Jack, Abuela Coca e Cidade Negra

Dia 03 – Jerry Espíndola, Jorge Drexler, Grupo Sampri e Jorge Aragão

Dia 04 – Violetango, Davi Moraes e Ana Carolina

Dia 05 – Bloco Brasil

Fonte: Terra e Site Oficial

Comentários